Como combater o mau hálito?

 O mau hálito é um dos problemas mais desagradáveis na saúde oral. Tanto para quem sofre deste problema, bem como para  quem convive.

Mas sabia que tem solução? Existem vários conselhos úteis que lhe podemos dar. No entanto, o mais importante é que mantenha as suas rotinas de higiene oral, através da utilização da escova de dentes e do fio dentário, assim como o acompanhamento do seu médico dentista. Deixamos-lhe alguns conselhos de como manter este problema longe e ter sempre um sorriso brilhante com um hálito fresco.

  1. Escove os dentes todos os dias. Este será sempre o melhor conselho, nunca se esqueça de escovar os dentes após as refeições e, também, antes de dormir, pois é durante a noite que as bactérias têm mais tempo para atuar.
  2. Use o fio dental. O mau sabor na boca pode muitas vezes, vir dos restos de alimentos que se mantém acumulados entre os dentes, assim como a acumulação de tártaro. A utilização constante do fio dental vai ajudar a garantir que os seus dentes estão livres de bactérias (o nº de vezes a utilizar o fio dental deve de ser recomendado pelo seu dentista).
  3. Escove sempre a língua. Escovou os dentes? Ótimo! Usou fio dental? Perfeito… Quer dizer, calma, a sua higiene oral ainda não está totalmente completa. Na nossa língua existem acúmulos de comida que se mantêm na sua superfície e retirar esta camada de bactérias que ali pode estar concentrada é essencial. Nesse sentido, deve escovar a língua delicadamente.
  4. Beba bastante água. Além da importância da água na saúde, também no combate ao mau hálito a água é muito importante, pois em muitos casos, este é causado pelo facto da boca estar seca ou com pouca saliva. Aliás quando acordamos, o hálito não costuma estar assim tão “fresco”, devido a um longo período sem ingestão de líquidos.
  5. Evite longos períodos sem comer. Se passa ciclos acima de 3 horas sem comer, saiba que esta, é uma das maiores causas de mau hálito. Ingerir regularmente alimentos de fácil digestão, é uma simples ação que poderá colmatar este problema. Escolher uma dieta equilibrada é fundamental, deve de escolher refeições que possuem menos gorduras e como tal são de digestão mais rápida, tais como saladas cruas, legumes cozidos e carnes magras. Nos seus lanches, opte por frutas e iogurte. Fornecem-lhe muita energia são os mais indicados porque lhe fornecem mais energia com menos calorias que os típicos salgadinhos e refrigerantes calóricos. digeridos. Alimentos como o alho e cebola crua, são claramente alimentos que promovem o mau hálito devido ao seu forte aroma.
  6. O problema pode não ser da boca. Em alguns casos, o problema pode não derivar da boca, mas sim resultante de distúrbios no esôfago ou no estômago. Estas são geralmente outras causas de mau hálito, em especial nos casos de refluxo, gastrite, amigdalite, sinusite ou caseum na garganta.
  7. Sim tem solução. Se tem dúvida dê o primeiro passo e marque já a sua consulta de rotina com o seu médico dentista. Conheça o seu diagnóstico e se necessário não descarte uma ida a um clínico geral ou um gastroenterologista se o seu dentista o recomendar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *